Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Cultura

M'banda

Imagem
  M'banda é uma palavra do Kimbundu, uma língua Bantu, e com alguns significados, pode indicar um coletivo religioso, a/o líder desse coletivo, mas o de uso mais comum é : magia, a arte de curar. No Kimbundu quando as letras M e N precedem outra consoante, elas tem um som de vogais nasaladas, ou seja: em/en, im/ìn, um/un. A palavra M'banda pode ser lida como embanda, imbanda, umbanda ... Oscar Ribas, escritor e etnólogo Angolano, afirma que em Angola, " Umbanda " é um rito de cura, um tipo de medicina natural que envolve a intervenção de espíritos, é a ciência do Kimbanda ( sacerdote, curandeiro ). O historiador Wilson do Nascimento Barbosa, indica a palavra Nblanda para definir práticas religiosas Bantu no sudeste do país. Nblanda estaria muito além de um movimento religioso, seria uma filosofia espiritual mesclada a uma ideologia social na metade do século 19. Aqui M'banda tem exatamente este sentido, uma filosofia de vida que mescla espiritualidade, princípio

A Encruzilhada...

Imagem
  A cada dia eu entendo que focar num ponto de pesquisa e se fechar, não gera, não movimenta conhecimento, pelo contrário, engessa. Eu vivo numa verdadeira encruzilhada desde que voltei a me envolver com o meio afro religioso, parte de mim é nostálgica e apegada aos ritos antigos, aos meus mais velhos. Outra parte não pode e nem deve fechar os olhos para todas as transformações sociais que refletem inclusive nas religiões, nas espiritualidades. Dia desses conversava com um amigo sobre estrutura de terreiro, eu não tinha até ontem uma estrutura pra que hoje eu formasse uma comunidade religiosa, exatamente por causa da encruzilhada que eu vivo, mas a partir de ontem, entendi que essa encruzilhada não precisa me perturbar, ela é na verdade o caminho. Então hoje se eu montasse meu terreiro, manteria os ritos internos antigos, o legado dos meus ancestrais para que os meus mais velhos que ainda vivem e participam da minha espiritualidade pudessem reconhecer a tradição. Por outro lado iria re

Miçangas

Imagem
Desde a antiguidade que todo elemento decorativo usado no corpo forma uma linguagem... Arqueólogos afirmam que o uso de miçangas na África remonta pelo ao menos 10.000 aC, tinham propriedades sociais, decorativas e religiosas, também foram moedas de troca ...  Eram confeccionadas com materiais naturais, sementes, pedras, ossos, conchas até a chegada da colonização e suas contas de vidro...   Adornavam a cabeça, pescoço, tornozelos, pulsos, acredita-se que inicialmente eram usadas como insígnias reais e posteriormente desenvolveram um significado mais popular, na maioria das vezes como identificação de cada etnia.  Esse desenvolvimento popular deu lugar ao simbolismo espiritual ou religioso.  Sangomas, N'gangas usam como amuletos, tanto para manter o equilíbrio espiritual quanto para banir energias ou espíritos ruins, as cores, formatos e onde serão usadas no corpo, variam de acordo com a necessidade espiritual. Também são usadas em oráculos e dentro de cabaças que quando sacudidas